Blog de Eltoon Oliveira


Renegados marcam e clássico entre Palmeiras e Portuguesa fica no empate

Palmeiras e Portuguesa se enfrentaram no estádio do Pacaembú na noite desta quarta-feira (25) e não saíram do 1 a 1.


A partida mais esperada do Paulistão até o momento foi cheia de emoções, principalmente em seu segundo tempo, onde ainda no ínicio, mais precisamente aos quatro minutos, Maylson, emprestado pelo Grêmio, colocou a Lusa em vantangem após uma grande jogada de Léo Silva pela ala direita.

O Palmeiras entretanto, não se afabou após o gol tomado e foi para o ataque de forma inteligente, onde aos treze minutos perdeu uma clara oportunidade de gol. Maikon Leite fez ótima jogada pela ponta, passou por dois adiversários e tocou para Valdivia, que na pequena área errou o chute e acabou achando Ricardo Bueno, que mesmo já tendo perdido o tempo de bola, improvisou e tentou empurrar para as redes com o calcanhar, porém, não obteve sucesso e acertou a trave.

Murtusa que estava no banco de reservas cobrindo mais uma suspenção do técnico Felipão, mexeu bem e mudou a história do jogo, Daniel Carvalho entrou no lugar de Luan e aos 36 minutos fez um belo lançamento para Maikon Leite, o camisa 7 do verdão fez boa jogada pela ponta direita, conduziu até a entrada da área e cruzou para o contestado Ricardo Bueno, que enfim desencantou e empatou a partida para o verdão.


Após o término da partida, o camisa 9 palmeirense que está emprestado ao clube pelo Atlétcio-MG, disse estar aliviado por não precisar mais andar com segurança particulares.

"Ano passado, andei com seguranças com medo da pressão que a torcida estava fazendo. Andei nas ruas acompanhado, ainda mais após o caso da briga com o João Vítor. A gente estava assustado".

No próximo domingo o Palmeiras enfrentará o Catanduvense fora de casa, às 17h00, enquanto a Portuguesa jogará no sábado contra o Guaratinguetá no Estádio do Canindé, as 19h30.




 Escrito por Eltoon Oliveira às 10h54 [] [envie esta mensagem] []






O jogador mais importante do Palmeiras

Essa semana, o Palmeiras enfim acertou a permanência em definitivo de Luan, junto ao Toulouse, da França, por R$ 7 milhões, e isso devido as constantes "brigas" por parte do técnico Luis Felipe Scolari, para que a negociação tivesse esse fim.


Felipão, que sempre declarou que Luan era um dos jogadores fundamentais no esquema tático da equipe, fez de tudo para que o Palmeiras embolsasse essa quantia, que era muito contestada por grande parte de conselheiros e torcedores.

Luan, que já teve seu carro depredado por alguns "vândalos" da torcida organizada, e que já foi cobrado de perto por torcedores, em aeroportos, e também no centro de treinamento do verdão, não é nenhum craque como Kleber e Valdivia, mas em minha opinião, é o jogador mais importante do atual elenco Alviverde. Podem me chamar de louco, ou qualquer outro adjetivo que acharem necessário, e me criticarem por essas declarações, porém, ao meu ver, essa é a dura realidade palmeirense.

 

Hoje, ele é o único jogador da equipe que quando ausente, me faz temer pelo desempenho do time, o "atacante", é um jogador que faz múltiplas funções em campo, não só a de origem, mas também, a do lateral e do ponta esquerda, do volante, e até do centroavante, sendo o artilheiro da equipe na competição nacional com 5 gols. 


Contudo, a adesão em definitivo do time Palestrino, e o preço a ser pago pelo clube, valerão apena, não que a contratação, seja a de um futuro craque, ou gênio, entretanto, essa foi a melhor coisa que poderia acontecer ao elenco Alviverde, já que caso o jogador tivesse que voltar a França, não haveria no plantel, um jogador que fizesse função semelhante, com isso, o time que está na quarta colocação do Campeonato Brasileiro, teria que mudar drasticamente, o seu estilo de jogo. 

 


 



 Escrito por E.Oliveira77 às 19h07 [] [envie esta mensagem] []






O jogo mais triste da história do Campeonato Argentino

 


Jogador do River chora com rebaixamento do time. Foto: Reuters

Com o empate por 1 a 1 frente ao Belgrano, no Estádio Munemental de Nuñes, o River Plate não consegiuu reverter a desvantagem de dois gols, e caiu para a segunda divisão do campeonato argentino, pela primeira vez em sua história.

 

E com tantos assuntos que ocorreram em torno desta partida, do qual eu gostaria de compatilhar com vocês, resolvi inovar por aqui, e deixar todos os comentários que eu fazia em meu twitter (@EltonOliveira77), na hora da partida.

 

Acompanhando o #dramadorivernoei. Força River!!!

 

Belgrano tem gol anulado logo aos 4 minutos de jogo!

 

Pavone acerta um chutasso! 1 a 0 River!!!!!

 

Vamos, vamos River!!! Ê,Ê,Ê.... Vamos, vamos River!!!

 

Ta lindo o clima no estádio Monumental de Nuñes... Torcida nota 100!!!

 

15min de jogo no estádio Monumental. River Plate 1 a 0 no Belgrano. Porém, esse resultado ainda não salva os "Milionários" do rebaixamento.

 

Pênalti claro para o River e o juiz manda seguir. Na cobrança do escanteio, Pavone e Manoel Dias perdem a chance do segundo.

 

Pavone jogando bem diferente hoje... Nem parece ser aquele 9 ridículo dessa temporada.

 

Pela arbitragem na primeira partida.... Achei que o River seria ajudado nessa... Pelo jeito estava bem enganado.

 

A torcida do River é de dar orgulho!!

 

Andre Henning   por EltonOliveira77

Primeiro tempo e o River jogou muito. Fez 1 a 0, mas por enquanto é pouco. Precisa de mais um de diferencia. Daqui a pouco, o segundo tempo!

 

Com essa torcida que emociona qualquer um... O River não pode cair! Seria uma punição a ela... Eles não merecem isso.

 

E o Belgrano empata o jogo... Clima de velório no monumental de Nuñes agora.

 

Que jogão em Buenos Aires! pênalti para o River aos 23min do 2 ° tempo.

 

E com uma cobrança ridícula de Pavone, o River perde o pênalti, agora, corre a passos longos em direção a segunda divisão.

 

É... Mesmo com a torcida espetacular que o River tem... O time vai cair... Os jogadores estão tentando, mas com Caruso em campo, não dá!!!

 

Esse Lamela é o Marlos argentino.

 

Caruso... O jogador mais patético da história do River!!

 

Agora nem eu acredito... O River infelizmente, vai cair!!

 

Jorge Igor   por EltonOliveira77

Boca e River: ex-gigantes em atividade.

 

Tenho certeza que o rebaixamento do River, vai sucumbir a Copa America na Argentina... Isso vai ser notícia por muitos anos!

 

Já vi inúmeros rebaixamentos, vivenciei isso com o meu Palmeiras em 2002, mas nunca vi um descenso tão sofrido como esse do River Plate.



 Escrito por E.Oliveira77 às 21h54 [] [envie esta mensagem] []






História de uma final de Libertadores - Parte 2

 

Quarenta e nove anos depois da primeira conquista da América, em um jogo disputado no Pacaembu, com todos ingredientes possiveis para uma grande decisão, o Santos bateu o peñarol por 2 a1, na ultima quarta-feira (21), e conquistou o tri campeonato da copa Libertadores.

 

Em  um jogo emocionante, diferentemente da partida disputada no estádio Centenário, que terminou em um fatídico 0 a 0, o segundo duelo entre Santos e Peñarol, foi marcado por grandes jogadas individuais, gols, polêmicas e brigas.

Com a volta de Paulo Henrique Ganso aos gramados, o jogo teve o toque de genialidade que lhe faltava, podendo ser visto inclusive, no primeiro gol do peixe, marcado aos 2 minutos da etapa complementar, e que surgiu após uma grande arrancada feita por Arouca, e que antes de passar pelos pés de Neymar para ser finalizada ao gol, teve um toque de calcanhar de Ganso, que entendeu bem a jogada do volante, e o deixou de frente para a área do time uruguaio.

Mas se engana você, se achar que o Santos dependeu unica e exclusivamente do genial Ganso, do talentoso Arouca e do popstar Neymar, o time venceu no conjunto, na garra, na bola e na lealdade.                                  

Opostamente a isso, o Peñarol, perdeu em sua fragilidade, em sua falta de tranquilidade após ter tomado o gol, e em sua maneira errada de agressividade, que ao invés de atacar o clube santista e buscar o empate, tentaram intimidar e descontrolar os jogadores adversários, na base das faltas. 

Porém, a estratégia dos jogadores uruguaios falharam, e Danilo arrancou pela ponta, invadiu a grande área, passou pelo marcador e anotou o segundo para delírio dos Alvinegros no Pacaembu.

E enquanto a torcida do peixe já se vangloriava com a conquista, o time uruguaio conseguiria sair do ZERO, e até como prova da fragilidade da equipe, o gol seria contra, marcado por Durval, aos 35 minutos do segundo tempo.

No entanto, a partida terminaria em pancadaria. Após apito final do arbitro Sergio Pezzotta, os jogadores do Peñarol que não souberam perder, reagiram com violência, e atletas de ambas equipes chegaram as vias de fatos. A policia militar, só veio a intervir alguns minutos depois.

Contudo, venho dizer que estou contente com a final da Libertadores, desta vez, gostei do que vi, o segundo jogo da final realmente correspondeu as minhas expectativas, uma partida onde tivemos todos os ingredientes possíveis para uma decisão memorável, e que servirá para coroar de forma merecida, a geração de Ganso e Neymar.

 



 Escrito por E.Oliveira77 às 20h31 [] [envie esta mensagem] []






História de uma final de Libertadores - Parte 1


Fazia tempo que não postava algo em meu blog, mas agora saindo de férias da faculdade, prometo que farei de tudo pra postar semanalmente sobre diversos assuntos que envolvam os principais esportes no mundo. E o tema que escolhi para voltar a ativa por aqui e compartilhar com vocês, foi a primeira partida da decisão da Taça Libertadores, entre Peñarol e Santos, que foi disputada na ultima quarta-feira (15), no estádio Centenario, em Montividéu, no Uruguai.



Santos e Peñarol não decidiam uma final de Libertadores desde o ano de 1962, decisão da qual a geração de Pelé conseguiria o primeiro titulo Santista na competição continental. E quase meio século depois, uma nova final do torneio mais importante das americas envolvendo essas duas grandes equipes, me trouxeram uma expectativa muito grande. Mas confesso, depois de assistir ao jogo, fiquei decepcionado.


Eu acreditava que a partida seria mais uma daquelas de emoções constantes, daquelas que me deixariam completamente entusiasmado na espera do segundo jogo. Porém, não foi bem assim que fiquei, já que o jogo disputado em Montividéu, não atendeu a quase nenhum dos requisitos que considero nescessarios para uma grande final, como polêmicas, brigas, gols e jogadas individuais de encherem os olhos.


Muitos poderão falar que estou sendo radical nesse pensamento, mas essa não é só minha opinião, ela é também, a de muitos que eu conheço, até porque, quem não tem o seu time envolvido na decisão, assisti apenas para adimirar o bom futebol, e torcer por um jogo emotivo do começo ao fim.


E com toda essa atmosfera envolvida no jogo, acreditava que a polêmica (se assim podemos chamar) do Árbrito Carlos Amarilla ter falado que expulsaria Neymar na proxima simulação de falta feita pelo jogador, e que acabou repercutindo negativamente na comissão técnica, chegando até a ser cogitada a substitução do craque Santista, para assim preserva-lo pra segunda partida, e que só não aconteceu, por conta da conversa que Elano teve com o arbitro no intervalo. Seria a menor delas, mas não, esse acontecimento foi o único que repercutiu de forma polêmica na coletiva pós-jogo.


Ai alguns também poderão falar do gol feito por Alonso aos 41 minutos do segundo tempo, e que foi anulado pelo Auxiliar Rodney Aquino do Paraguai, causando reclamações excessivas por parte de Diego Aguirre. Mas não houve briga ou polêmica de fato neste lance, já que o camisa nove uruguaio realmente estava impedido. E ficou claro também que essa impugnação por parte do técnico do Peñarol, era muito mais uma ultima tentativa de pressionar o trio de arbritagem, do que uma indignação pelo tal "erro".


Contudo, um jogo decisivo e sem grandes polêmicas, só poderia ser "salvo" pelas jogadas individuais, aquelas de encherem os olhos dos telespectadores. Atletas com capacidades para fazerem isso, existia, e de ambos os lados, como Neymar do peixe, e o argentino Martinuccio do Peñarol. Porém, os dois ficaram bem apagados no jogo, e não me lembro de grandes jogadas feita por eles.


O placar final da partida de 0 a 0, reflete bem como foi a primeira decisão, onde o duelo foi disputada em sua maior parte no meio campo, tanto é que Adriano foi o melhor jogador na opinião de muitos especialistas, e na minha também. E uma partida que um volante é eleito o melhor em campo, siginifica que atacantes e goleiros não tiveram tanto trabalho como se esperava.


Para a segunda partida da final que acontece na próxima quarta-feira (22), às 21h50, no Pacaembu, o Santos deverá ter a volta de Paulo Henrique Ganso. E nesse reencontro com os gramados do camisa 10 que estava machucado a mais de um mês, Já deixo aqui o meu palpite, o jogo será bem melhor que o primeiro! Espero não está mais uma vez errado. 


 



 Escrito por E.Oliveira77 às 02h20 [] [envie esta mensagem] []






Flamengo, Palmeiras e São Paulo são eliminados de forme precoce

 

 




Os três times mais populares do país que estavam na copa do Brasil, tinham também status de favoritos ao titulo, porém, não passaram nem das quartas de finais da competição.

Palmeiras enfrentou o Coritiba, o confronto tinha ingredientes de sobra para ser bem disputado do começo ao fim, a equipe do Palestra Itália tinha até então a menor média de gols sofridos no ano (0,48 por jogo), pelo lado do Coxa, o que estava em destaque era a sequência de 23 vitórias consecutivas do clube.
 
Mas o que aconteceu foi bem diferente do esperado. O duelo foi praticamente decido no primeiro jogo, com vitória acachapante do Coritiba por 6 a 0. 

Na partida da volta, aos Palmeirenses que já haviam perdido o posto de melhor defesa do Brasil, restou apenas o consolo por ter encerrado a serie invicta do rival, ao vence-los por por 2 a 0. 

Outro time invicto no cenário brasileiro era o Flamengo, a equipe de maior torcida do Brasil tinha pela frente o Ceará. Ambos haviam conquistado o titulo estadual, mas era pouco provavel que a serie de 25 jogos sem perder do rubro-negro, seria encerrada no Estádio do Engenhão, ainda na primeira partida disputada entre eles, porém, foi exatamente isso que aconteceu, com gols de Marcelo Nicácio e Geraldo, a equipe nordestina bateu o time da gávea por 2 a 1.

No jogo da volta em partida disputada no Presidente Vargas, o time de Luxemburgo saiu vencendo por 2 a 0, tinha tudo para conseguir a classificação, mas acabou sofrendo o empate, assim consequentemente a eliminação da competição.

Já o São Paulo, outra equipe bastante popular no Brasil, também foi eliminada. O time paulista venceu em casa o primeiro jogo contra o Avaí por 1 a 0.

Mas mesmo com a vantagem do empate e com a abertura do placar na segunda partida, o time do Morumbi acabou sucumbido pelos catarinenses, que reagiaram bem ao gol sofrido no ínicio da partida e viraram o jogo para 3 a 1.

Agora restam apenas o Campeonato Brasileiro e a Copa Sulamericana, para que Flamengo, Palmeiras e São Paulo tentem vaga na Copa Libertadores de 2012, elenco qualificado para conseguir tal êxito ambos tem, porém, não será nada facil, dessa vez a pressão exercida pelos torcedores será muito maior, e não sabemos ainda como dirigentes e jogadores irão reagir diante disso.



 Escrito por E.Oliveira77 às 20h07 [] [envie esta mensagem] []






Palmeiras e Corinthians no Pacaembu, jogo cercado por polêmicas e com vaga na final em disputa

 

 


Hoje o Clássico entre Palmeiras e Corinthians, vale vaga na final do Campeonato Paulista de futebol. A partida será realizada no estádio do Pacaembu, e como de costume no dérbi, temos muitas polêmicas envolvidas antes mesmo da partida começar.

O primeiro assunto que repercutiu na imprensa essa semana, foi o local onde será disputada partida. O Alviverde leva vantagem por ter se classificado uma posição a frente do rival, por isso deveria ter o mando de campo na partida, porém, o local onde o jogo será disputado não agrada muito a comissão técnica do clube e nem aos jogadores. “Eu prefiro o interior. Para mim seria melhor, mas para a torcida seria mais complicado. Aqui (Pacaembu) é a casa dos caras, queira ou não”. Declarou Kleber após a classificação do Palmeiras, frente ao Mirassol no ultimo domingo.

Mas essa não foi a única polêmica que se arrastou pela semana que antecedeu o dérbi, a escolha do árbitro Paulo César de Oliveira, também causou muitas reclamações palmeirense, a irritação foi tanta, que a diretoria do clube sugeriu a Federação Paulista de Futebol (FPF) que trocasse o juiz da partida.

Outro dado a ser levado em consideração é o tabu que o Corinthians mantém sobre o Palmeiras, a equipe Alvinegra não perde para o rival desde 2009, em partida disputada pelo primeiro turno do brasileiro. Na ocasião, a equipe do Palestra Itália venceu por 3 a 0, com três gols de Obina.  Desde então, empate por 2 a 2 no returno, vitória Corinthiana no Paulista de 2010, empate no primeiro turno do Brasileiro do mesmo ano, novo triunfo por 1 a 0 no segundo turno e nova vitória por 1 a 0 na única partida disputada entre eles no ano de 2011, válida pela primeira fase do próprio Campeonato Paulista.

Sendo assim a equipe comandada pelo técnico Luiz Felipe Scolari, contará com o que tem de melhor no elenco. O goleiro Marcos e o meio campo Patrik que estavam no departamento médico, foram relacionados para partida, restando apenas saber quem se será titular ou não, para os lugares de Deola e Tinga respectivamente.

Pelo lado Corinthiano, provavelmente não teremos nenhuma novidade, o time deve ser o mesmo que o técnico Tite escala com frequência, e que o torcedor já está acostumado a ver: Julio Cesar; Alessandro, Chicão, Leandro Castán e Fábio Santos; Ralf, Paulinho e Bruno César; Jorge Henrique Dentinho e Liedson.

O vencedor do clássico enfrentará o Santos na final, já que a equipe praiana bateu o São Paulo na tarde de ontem por 2 a 0.

FICHA TÉCNICA
PALMEIRAS x CORINTHIANS


Local: estádio do Pacaembu, São Paulo-SP
Data: 1º de maio de 2011, domingo
Horário: 16h (de Brasília)
Árbitro: Paulo César de Oliveira (SP)
Assistentes: Vicente Romano Neto e Alex Alexandrino (ambos de SP)

 



 Escrito por E.Oliveira77 às 15h42 [] [envie esta mensagem] []






A hora de Federer




Todos nós sabemos que é dificil largar uma carreira tão brilhante, principalmente quando se trata de esportes. Federer, o maior tenista de toda a historia na opinião de muitos, vive este dilema.

O jogador que a dois anos disputava com maestria a posição de número um no ranking da ATP (Associação de Tenistas Profissionais). Não é mais o mesmo, e isto é fato, basta ver suas ultimas atuações, para saber do que estou falando. O hoje número três do Ranking não bate mais de frente com seus principais rivais, Rafael Nadal e Novak Djokovic.

Eu sou da maxima que um esportista de alto nível, que é o caso de Roger Federer, deve se aposentar em quanto ainda está em seu auge, e o do Suiço, infelizmente, já está se acabando.

Seria a hora de ele repensar sua carreira e se aposentar? Na minha opinião sim, e na sua?





 Escrito por E.Oliveira77 às 12h03 [] [envie esta mensagem] []






Palmeiras vai até a Vila Belmiro, Jogo marcado por polêmica e tabu

 

 

O clássico dessa tarde (03/04) será de diversos atrativos para os torcedores. O Alviverde tenta manter o tabu de não perder para o rival, o que de fato acontece desde o dia 18 de abril de 2009, partida disputada pelas semifinais do estadual, dessa data em diante foram cinco jogos, três vitórias palmeirenses e dois empates.

Para quebrar de vez esta seqüência negativa, o Alvinegro da Vila Belmiro vem com tudo o que tem de melhor, incluindo Maikon Leite, que tem pré-contrato assinado com o Palmeiras, e deve se apresentar ao clube no dia 24 de Junho. Isso para Martellote, não deve influenciar no rendimento do jogador, e em entrevista esta semana o técnico do peixe declarou "Ele não é jogador do Palmeiras, é do Santos". 

O embate, também marcará o encontro entre a melhor defesa do estadual (a do Palmeiras, com apenas seis gols sofridos em 16 rodadas, 0,37 por jogo) e o ataque mais positivo (o Santos fez 37 gols em 16 jogos, média de 2,3 por partida).

Outro destaque para o jogo é a escalação do meio campo Lincoln, que chegou a ficar afastado do grupo de jogadores por um bom tempo, devido a problemas com a diretoria. Hoje, com situação praticamente resolvida, ele fará seu quarto jogo consecutivo como titular da equipe palestrina, substituindo mais uma vez  o chileno Valdivia, que ainda não tem condições de jogo, devido a uma lesão sofrida na coxa esquerda.

É com todo esse clima bem apimentado que o clássico será disputado na Vila Belmiro, a partir das 16h00min (horário de Brasília).

 



 Escrito por E.Oliveira77 às 13h40 [] [envie esta mensagem] []






Nesta semana, Knicks conseguem 100% de aproveitamento e encerram jejum

 

 

O time de Nova York não vencia a seis jogos e tinha pela frente dois grandes adversários, Orlando Magic e New Jersey Nets.

Na partida de segunda-feira (28/03), O jejum de vitórias finalmente foi encerrado, embalados pela atuação genial de Carmelo Anthony, que anotou 39 pontos e apanhou 10 rebotes, o time venceu o Orlando Magic por 113 a 106 (Resultado após uma prorrogação).

Quinta-feira (31/03), foi a vez de enfrentar o New Jersey Nets, e mais uma vez deu Knicks, porém, nesse jogo, a vitória veio ainda no tempo normal, placar de 120 a 116. "Melo" novamente conseguiu um "double-double" de 39 pontos e 10 rebotes, muito bem auxiliado com os 33 pontos de Chauncey Billups e 23 de Amar'e Stoudemire.

Amanhã a equipe enfrenta o Cleveland Cavaliers, que apesar de lanterna da temporada regular da NBA, venceram todas as três partidas já disputadas entre eles.

 



 Escrito por E.Oliveira77 às 19h56 [] [envie esta mensagem] []






O que está acontecendo com os Knicks ?



A temporada começou muito bem para os comandados de Mike D'Antonni, Stoudemire chegou a equipe como o "Superstar" que faria a diferencia em uma equipe que já tinha bons jogadores, como Danilo Gallinari e Raymond Felton.

No começo tudo vinha dando muito certo, Stoudemire parecia ter realmente se encaixado no esquema de jogo dos Knicks, chegando até a ser cotado para vencer o prêmio de MVP (jogador mais valioso). Gallinari também contribuía e muito para a evolução da equipe, e também não vamos esquecer do que o armador Raymond Felton era capaz, o jogador que apesar de inexperiênte, tinha a incrível media de 9,0 assistências por jogo.

Porém, toda essa estrutura da equipe iria mudar... O dia 22 de Fevereiro chegou, e com ele a noticia de que o Knicks havia fechado negócio com o Denver Nuggets, e abriria mão de Raymond Felton, Danilo Gallinari, Wilson Chandler e o pivô Timofey Mozgov, com isso a equipe receberia Anthony Carter, Shelden Williams, Renaldo Balkman e também as estrelas Chauncey Billups e Carmelo Anthony.

A troca feita pelos Knicks foi pensando na próxima temporada, já que com três grandes estrelas como Anthony, Billups e Stoudemire a equipe seria muito mais atrativa na hora de oferecer alguma proposta, porém ninguém esperava que o time caísse tanto de rendimento como vem acontecendo.



Os Knicks não vão aos playoffs desde 2004, e este ano faltando apenas dez rodadas para o término da temporada regular e ocupando a sétima colocação, deverão finalmente voltar, mas esta classificação da equipe é devida a primeira metade da temporada, quando o time não tinha Anthony e nem Billups, já que o aproveitamento era de 28 vitórias e 26 derrotas. Depois do "All Star Game" e das trocas realizadas em Fevereiro, o aproveitamento é bem abaixo de 50% com 7 vitórias e 12 revéses.

Com seis derrotas consecutivas nas ultimas partidas, começam-se a surgir certos questionamentos na cabeça dos torcedores, e os mais comuns entre eles são,  se a equipe está mal entrosada e que por isso ainda não se encaixou, se os jogadores estão sentindo a pressão por jogar em Nova York, ou até mesmo se a equipe está fazendo corpo mole para pegar um adversário menos competitivo na pós temporada, ou até mesmo se o corpo mole é para que o técnico  Mike D'Antonni, não continue na equipe para a temporada que vem (Temporada que tem por obrigação ser de domínio dos Knicks).

Bom... Uma coisa é certa, há algo bem estranho nos Knicks, e isso vem irritando cada vez mais a torcida mais exigente da NBA.

 

 



 Escrito por E.Oliveira77 às 01h17 [] [envie esta mensagem] []






Cada dia que passa ele vai se consolidando como MVP

 

A Madrugada deste domingo (27/03), é pra ficar marcada na memoria de Derrick Rose e de todos amantes do basquetebol, o armador de Chicago, comandou a equipe na partida disputada em Milwaukee, ao anotar 30 pontos e distribuir 17 Assistências, e é claro que com esses números ele foi o grande nome da vitória do Bulls sobre o Bucks, por 95 a 87. 

É com atuações nesse nível, que não receio em afirmar que Rose será o MVP (Jogador mais valioso) desta temporada , não só por causa da partida fenomenal de ontem, mas o jogador que já foi chamado de MVP até pela "lenda" Michael Jordan, vem com medias sensacionais de 24,9 pontos por jogo e de 7,9 assistências, e isso pra mim, é media de MVP!

Rose está apenas em sua terceira temporada, mas mesmo assim, eu já não me surpreenderia se ele um dia chegar a ser comparado com jogadores como  Dwyane Wade, Lebron James ou até mesmo Kobe Bryant.

 

 



 Escrito por E.Oliveira77 às 17h07 [] [envie esta mensagem] []






Vale apena ainda apostar no Adriano?

 

 

 

Essa é a primeira vez em que publico algo no meu Blog, e apesar de Palmeirense (Roxo), resolvi deixar o primeiro post para falar de Adriano, novo contratado do Corinthians.

Será que foi uma boa para o Clube do Pq. São Jorge ? Será que dessa vez realmente ele mudará? Conseguirá voltar a jogar com total comprometimento ao clube, sendo profissional como os demais companheiros ? 

Essas entre outras, são as questões que mais assombram a mente de qualquer torcedor ou dirigente de futebol, na hora de pensar em trazer o Ex-Imperador de Milão para a sua equipe.

E não é para menos, Adriano que sempre foi muito apegado à família, vive um drama desde a morte do Pai em agosto de 2004, daí por diante o Jogador passou a ser mais noticiado na mídia em geral por diversos escândalos com alcoolismo, baladas, falta de profissionalismo e até mesmo por acusações de apologia ao crime, deixando de lado todo o seu talento que é indiscutível para se jogar futebol, pra ser marcado como um mal exemplo de profissional no mercado da bola.

Com tudo isso, uma das principais torcidas organizadas do Corinthians, já demonstrou a sua opinião ao levar uma faixa até o centro de treinamento do clube com os seguintes dizeres: "Adriano, o Corinthians não é clínica de recuperação!!! Não queremos você aqui. Lugar de Urubu é no lixão da Gávea!!". 

Somente no futuro saberemos se o Corinthians acertou ou não em traze-lo, porém uma coisa já é certa, ele terá que mudar e muito de postura em vista ao que fazia em seu último clube, já que aqui em São Paulo e principalmente em clubes como o Corinthians, a pressão por raça e bom futebol é muito maior do que em qualquer outro clube que ele já tenha atuado.

 



 Escrito por E.Oliveira77 às 18h29 [] [envie esta mensagem] []




[ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]
 


BRASIL, Sudeste, SAO BERNARDO DO CAMPO, JARDIM REGINA, Homem, de 15 a 19 anos, Portuguese, Spanish, Esportes, Música
MSN -





 
 




TWITTER - Eltoon Oliveira
FACEBOOK - Eltoon Oliveira
UOL - O melhor conteúdo
BOL - E-mail grátis